Design De Produto Em SaaS: Tendências e as melhores práticas

Design de produto em SaaS: tendências e as melhores práticas

Qual é o segredo do sucesso de grandes empresas como Google e Twitter que possuem bases de usuários gigantescas?

Você pode incluir diversos fatores, começando com a programação do serviço e terminando com a ideia da plataforma em si. No entanto, o design usado é muitas vezes ignorado.

E isso não é legal. Afinal:

Uma UI com um design de qualidade em SaaS é um dos passos mais importantes para conquistar um determinado público; na verdade, este pode ser o fator decisivo no desenvolvimento da sua startup.

Mas como obter um design de sucesso?

Neste artigo, veremos tudo o que você precisa saber sobre o design de produto em SaaS para que você possa começar a trabalhar em um projeto que gere lucro e tenha sucesso.

Visão Geral Do SaaS

O modelo Software as a Service está na linha de frente da produção de softwares atualmente – e isso não é nenhuma surpresa. Alguns dos seus recursos são revolucionários para o setor de tecnologia e o tornam claramente superiores em relação a outros modelos de entrega de serviços:

  • Baixos requisitos de espaço no computador do usuário;
  • Custos mais baixos;
  • Maior flexibilidade;
  • Melhor UX/UI devido ao método de computação na nuvem;
  • Interface mais intuitiva e acessível.

Considere alguns exemplos de aplicativos SaaS de grandes corporações que implementaram a computação na nuvem com sucesso.

O Microsoft Office 365, por exemplo, vai além do que o Excel e o Word comuns fazem. Ele permite que os usuários se comuniquem de maneira segura com outros usuários e acessem e modifiquem conteúdo em tempo real a partir de qualquer plataforma ou dispositivo. Google Apps, Slack e Dropbox também estão entre as plataformas mais conhecidas que seguem esse modelo.

Padrões de design de produto comuns em SaaS

O design de aplicativos SaaS possui seu próprio conjunto de diretrizes e padrões – as coisas que fazem com que um site pareça mais agradável e amigável por padrão.

Não é necessário seguir essas regras, mas eu recomendo fortemente que você faça o seguinte:

  1. O logo da sua empresa deve ser exibido no lado esquerdo da tela. É um fato que os usuários não registram logos que estão à direita. Enquanto um logo pode muitas vezes ser visto no centro da tela, o canto superior esquerdo é a melhor opção.
  2. Seu site deve ser adaptado para dispositivos móveis. As pessoas estão cada vez mais evitando computadores e adotando dispositivos móveis, portanto ter um site que funcione em ambos é importante.
  3. Use um plano de fundo claro. Um site com cores escuras pode ser confuso e difícil de ler. Além disso, um plano de fundo claro dá à interface um ar de calmaria e boas-vindas.

Problemas de design para produtos SaaS

Há coisas específicas que você deve e não deve fazer para cada tipo de web design. O UI design em SaaS não é uma exceção.

Um dos maiores desafios em termos de UI design ao trabalhar na interface de um produto SaaS é integrar os novos recursos e decidir qual deles vale a pena manter.

Antes de qualquer coisa, é preciso determinar se o novo recurso que você está considerando aumentará o apelo do produto ou será mais adequado para o público-alvo.

Você provavelmente já tem um objetivo em mente para o seu design – o novo recurso adiciona novos objetivos ou melhora aqueles que você já tem?

Em segundo lugar, você também deve considerar o seguinte:

  • Esse novo detalhe está dificultando a sua vida?
  • Quais são os seus efeitos na gestão e manutenção?
  • Isso aumenta o preço do seu produto?

Se for o caso, você deve equilibrar cuidadosamente esse recurso com o valor que ele adiciona ao design da interface do seu produto SaaS.

Por fim, avalie se ele é completamente necessário e insubstituível.

Provavelmente não vale o custo e o esforço se você puder substituí-lo por qualquer outro produto ou elemento mais simples. Para maximizar o seu lucro, minimize as etapas e o investimento.

As melhores práticas de design em SaaS

Após considerar os procedimentos e problemas padrão ao construir um aplicativo SaaS, agora podemos conferir as melhores práticas de design em SaaS.

Eu criei uma lista dos principais truques usados por empresas de sucesso que compartilharam suas experiências.

Navegação

Ao construir plataformas SaaS, o passo mais importante é fornecer aos usuários uma navegação simples e uma interface intuitiva.

Como você não tem anúncios, consultores ou conferências para divulgar os seus serviços, você precisará de um site bem feito e fácil de navegar.

Um painel de controle com todos os links importantes deve estar na página principal. Voltando ao ponto anterior, certifique-se de que os recursos mais importantes também estejam lá.

Uma coluna deslizante na horizontal ou vertical é a melhor forma de apresentar uma barra de menu desse tipo.

Ordenação dinâmica

Imagine o quão irritante seria se vários dados completamente irrelevantes fossem extraídos de toda a base de dados do site para qualquer pesquisa feita.

A função de ordenação dinâmica resolve esse problema permitindo que você refine as pesquisas e só receba as informações de que precisa.

Para facilitar a vida dos usuários, a barra de busca deve estar na parte superior da página. Também é uma ideia inteligente adicioná-la à barra de menu suspenso da seção anterior para não obstruir a interface.

O BuzzSumo é um ótimo exemplo de como a ordenação dinâmica pode ser implementada. Você pode usar o recurso de busca deles para buscar detalhes muito específicos de compartilhamentos em redes sociais. Você também pode especificar o período e o tipo de dados, como as redes sociais incluídas na busca, entre outras coisas.

UI design simples para SaaS

A programação de um produto SaaS é difícil e toma muito tempo. Isso pode causar diversos problemas, incluindo uma UX/UI inerentemente complexa.

Os usuários não gostam de designs complicados e confusos, então isso representa um grande risco para o sucesso do seu site.

É extremamente difícil criar um design que seja simples e fácil de entender e, ao mesmo tempo, cubra efetivamente todas as nuances da arquitetura SaaS.

O Dropbox é um ótimo exemplo de simplicidade e acessibilidade, e é por isso que a plataforma é tão popular.

Cadastro fácil

Ninguém gosta de preencher centenas de formulários de cadastro. Isso demora demais, e quem tem tempo e paciência hoje em dia?

Portanto, se não quiser assustar os seus clientes, a prática de design mais crítica em SaaS é tornar o processo de cadastro o mais simples possível.

Quando o cliente estiver usando o seu app, você terá diversas oportunidades de aprender sobre eles.

Comece coletando apenas as informações mais básicas, como nome e endereço de e-mail. Cada passo adicional separa você de um cliente em potencial.

Se estiver oferecendo um teste grátis, será um pouco mais complicado, mas os usuários já esperam que você solicite as informações do cartão de crédito.

Tente incluir uma call to action ousada na landing page – ao lado de botões claramente visíveis – para incentivar as pessoas a fazerem o cadastro. O Google Apps é um exemplo perfeito, já que toda a sua página inicial é dedicada a isso.

O produto precisa ser atraente

Os usuários gostam quando parece que o site foi feito especificamente para eles.

Facilite o contato com os agentes da empresa adicionando uma janela de chat online que permita que os usuários conversem com um humano ou um bot.

Isso ajudará você a coletar ideias para melhorar o site. Para quem prefere uma página de autoajuda em vez do contato direto, uma seção de FAQ também é importante.

Envolva os seus clientes no processo de design

Todos os negócios de sucesso entendem a importância de manter o contato com sua base de clientes.

Permite que eles ajudem você a melhorar ainda mais o seu site – você tem inúmeras ferramentas gratuitas à sua disposição. Eles poderão participar do processo de desenvolvimento comunicando-se pelo Twitter e Facebook, bem como respondendo a pesquisas online em redes sociais e no próprio site.

Foque o tempo de design nos recursos mais comuns do seu app

Incorporar tudo o que um usuário precisa em uma única plataforma trouxe muito sucesso para o Google.

Eles fizeram com que seus usuários tivessem tudo o que precisavam na mesma página, e o design de cada um dos seus apps segue a mesma filosofia: ícones minimalistas, barras de tarefas fáceis de navegar no topo da página e links para outras ferramentas úteis.

Isso permitiu que seus clientes navegassem pela plataforma com facilidade.

Foque no seu público-alvo

Embora o seu produto SaaS deva ser interessante para todos, tenha em mente para quem ele foi desenvolvido inicialmente.

O principal objetivo da sua landing page deve ser atrair um usuário-alvo. Ao personalizar o processo de cadastro de acordo com os diferentes tipos de usuários, você pode estender facilmente a variedade de serviços fornecidos.

Se o seu produto for um site com material educacional para estudantes, por exemplo, sua CTA deve incentivá-los a fazer o cadastro e ter acesso a materiais gratuitos.

O processo de cadastro, por outro lado, pode seguir caminhos diferentes para estudantes e professores que gostariam de ter acesso ao material, mas por motivos diferentes.

Suporte ao cliente

Quando um cliente concorda em pagar por uma assinatura após testar a versão grátis do seu site SaaS, é mais provável que ele escolha fazer isso por conta própria.

Eles devem ter tudo o que for necessário para não precisarem entrar em contato com atendimento ao cliente. Para isso, crie uma página de instruções com um passo a passo e torne o processo o mais simples possível.

Como mencionei, uma lista abrangente de perguntas frequentes deve estar facilmente visível e disponível.

Atualize constantemente o design do seu produto

À medida que você conquistar mais usuários, seu projeto se expandirá e evoluirá, o que exigirá ajustes e melhorias na UX/UI para garantir que a classe do seu site corresponda à escala do seu negócio.

Como disse anteriormente, redes sociais e pesquisas diárias podem ser os seus melhores amigos nesse quesito. Responda às demandas dos seus usuários e forneça a eles o valor que eles merecem.

Tendências de design de produto em SaaS

O futuro chegou – não apenas em termos de tecnologia, mas também em artes visuais e web design. Nós reunimos algumas inspirações de design para SaaS e identificamos a tendências mais notáveis do ano:

  1. As ilustrações estão indo do 2D para o 3D;
  2. Logos estão deixando de ser extravagantes e excêntricos para serem mais planos e simples com fontes no estilo da Helvetica;
  3. Design inclusivo para usuários de todos os tipos;
  4. Página principal focada em uma call to action de destaque e ofertas de teste grátis;
  5. Formulários de feedback bem visíveis.

Resumo: coisas para evitar no design do seu produto SaaS

Criar um produto SaaS não é nada fácil; encontrar o equilíbrio entre um produto complexo e uma interface simples é uma tarefa muito complicada. Evite os seguintes pontos aos construir o seu produto SaaS:

  1. Landing page complexa e cheia de itens;
  2. Recursos em excesso na barra de menu;
  3. Plano de fundo escuro e difícil de ler;
  4. Processo de cadastro longo e cansativo;
  5. Tentar incluir muitos públicos diferentes em vez de focar em um único público-alvo;
  6. Ficar preso na versão antiga do site;
  7. Evitar a versão móvel do site.

Junte-se a mais de 10 mil equipes que já estão criando experiências melhores

Teste gratuito de 14 dias, com mais 30 dias de garantia de dinheiro de volta

Share this article:

Alican Bektas

Alican is the Product Manager of UserGuiding, a code-free product walkthrough software that helps teams scale user onboarding and boost user engagement.